3.11.05

M e o Tol


Tem tanto de bom ver a evolução do M, em todos os sentidos, mas em relação à motricidade fina, é que temos sentido o grande desenvolvimento. Talvez por ser uma criança extremamente curiosa a coordenação olho-mão tem sido fantástica. Desde os primeiros rabiscos ao seu primeiro tol a agilidade e complexidade têm sido crescentes.

1 Comments:

At 7:33 da manhã, Blogger wiSHEs&HEros said...

hum...temos artista!

 

Enviar um comentário

<< Home