14.11.05

Porque mãe não condiz com doença

O fim-de-semana foi passado à lareira debaixo de uma manta sentido-me entre o miserável e uma árvore de natal completamente enfeitada.
Na sexta-feira à noite com amigos em casa "resolvi" padecer de uma cólica renal. Febre, enjôos e uma dor fulminante nos rins decidi que não seria nada de especial, mas no sábado de manhã lá estava eu no centro de saúde a fazer análises e a levar um raspanete do médico porque deveria ter ido lá mais cedo.
Antibiótico, anti-inflamatório e uns comprimidos para aliviar as dores... Passei o fim-de-semana deitada para espanto do M. que é raro me ver nesta posição.
Ao longo do dia fui sendo enfeitada por vários bonecos ou porque precisavem de colo e de fazer ó-ó (segundo o M.) ou porque simplesmente queriam ficar sentados ao lado da mamã... ou em cima dela...

4 Comments:

At 2:08 da tarde, Blogger elBravinha said...

Tadinha de ti... Nunca pensei que a minha partida te deixasse assim de rastos... eheh! E imagino a cara do Manel a querer dar colinho à mamã... Espero que estejas bem melhor! Bjokas!

 
At 6:48 da manhã, Blogger wiSHEs&HEros said...

Espero que estejas melhor

 
At 12:48 da tarde, Blogger Maria Filomena Lorvão said...

VISITE O SITE: www.bonecasdepanodafilo.blogspot.com são bonecas de pano 100% artesanais. Vai adorar. Obrigada pela sua atenção!

 
At 5:45 da manhã, Blogger maria said...

:)

 

Enviar um comentário

<< Home